Nacional

Pizzi dá murro na mesa e recusa ser o culpado da crise do Benfica

Pizzi celebra golo pelo Benfica ao Rio Ave com Seferovic

Pizzi deixou a sua marca no regresso do Benfica às vitórias no campeonato, ao marcar um dos golos que permitiu às águias bater o Rio Ave (2-0).

Veja também: Rúben Amorim vai renovar com o Sporting e fica com cláusula milionária

No momento dos festejos do seu golo, o médio encarnado festejou com uma invulgar euforia e o diário desportivo Record encontrou o motivo.

De acordo com a mesma publicação, foi um momento de revolta de Pizzi devido a um acumular de situações. O jogador sente-se inconformado com o atual estatuto de suplente, depois de nas últimas temporadas ter sido titular absoluto no meio-campo das águias.

Veja também: Desagrado de Ronaldo preocupa Juventus que teme perder o português

Recorde-se que após o Benfica-Rio Ave, Jorge Jesus abordou a situação de Pizzi, que foi suplente pelo quarto jogo consecutivo do campeonato.

Tem muito a ver com a gestão que eu faço dos jogadores. Por exemplo, hoje jogou o Adel [Taarabt] de início, porque já estou a pensar que contra o Estoril joga o Pizzi. Além disso, comigo não há jogadores com direitos adquiridos na equipa. Comigo não existe isso. Nem novos, nem mais velhos, nem que estejam há 10 ou 15 anos no clube… Comigo não há direitos adquiridos”, atirou.

Veja também: “Ronaldo nunca chegará aos pés de Pelé, Maradona ou Messi”

Além disso Pizzi está farto de ser sempre apontado como o principal responsável quando as coisas no Benfica não correm bem, tanto por parte da crítica como dos próprios adeptos.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!