Nacional

Veríssimo reage à hipótese de continuar no Benfica após o final da época

Nélson Veríssimo, treinador do Benfica, em conferência de imprensa no Benfica

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Moreirense, Nélson Veríssimo reagiu às palavras elogiosas de Rui Costa, na grande entrevista que o presidente do Benfica concedeu à BTV.

Veja também: Pedro Barbosa bate com a porta à CNN por causa de Rui Santos

O treinador encarnado diz-se motivado para trazer novas ideias e já contou com o compromisso apresentado pelos jogadores.

Obviamente quando se muda de treinador há uma nova metodologia de treino, novas ideias. Ao fim ao cabo, acredito que seja isso que se espera com a nossa entrada. Os jogadores, dentro daquilo que nós esperávamos, têm tido um compromisso muito grande. A entrega é a absoluta às novas ideias e à forma de trabalhar, o que é completamente normal quando se muda de treinador. A partir daí há que preparar os jogos que a equipa vai ter e sempre lutar pelos três pontos que foi aquilo que aconteceu com o P. Ferreira”, afirmou.

Veja também: Esteve com um pé fora do Benfica mas decidiu ficar ao ver Jesus sair

Questionado sobre a possibilidade de continuar para lá desta época no comando técnico das águias, Veríssimo mantém o foco no jogo a jogo e agradeceu ainda a confiança que Rui Costa demonstrou nas suas capacidades.

Estamos completamente alinhados naquilo que são os objetivos para esta época, nas conquistas que ainda temos por fazer. O nosso foco para além do jogo a jogo vai só até ao final da temporada. Até lá muita água ainda vai correr por baixo da ponte e não quero fugir aquilo que tenho dito. No final, logo se vê esta questão. O que quero sublinhar é a confiança que o presidente demonstrou em mim. Temos de trabalhar diariamente para conquistar os objetivos que temos para esta época”, referiu.

Veja também: Benfica quer cortar nos salários milionários dos jogadores: Eis as primeiras vítimas

A arrancar a 2ª volta no campeonato, o técnico encarnado reconhece que o ponto está caro, mas o foco passa por encurtar distâncias para os rivais.

“Acima de tudo nós temos de centrar a nossa atenção naquilo que controlamos. Nós não temos margem de erro e temos de ir jogo a jogo. Importa ir ganhando os três pontos e encurtando distância para os nossos rivais. Temos de abordar cada jogo como se fosse o último.

É difícil, mas não impossível. Em épocas anteriores já estivemos em situações idênticas, umas vezes atrás e outras à frente. O nosso desafio agora é encurtar distâncias para o segundo lugar e depois para o primeiro“, disse.

Veja também: Depois dos EUA, Nani está a caminho do futebol italiano

Veríssimo também se pronunciou sobre o sistema tático a adotar.

Não posso garantir que seja um Benfica fechado em 4-4-2, porque teremos sempre de avaliar a estratégia a adotar para o jogo seguinte. Além disso, dentro de um 4-4-2 podemos criar dinâmicas diferentes dentro desse método de jogo“, salientou.

Por último o treinador do Benfica foi questionado sobre a possível titularidade de Gonçalo Ramos.

“Nós temos neste momento todo o plantel disponível. Reconheço que este plantel tem enorme qualidade e nós podemos facilmente escolher os melhores jogadores, de acordo com a estratégia a adotar para o jogo seguinte e as características que cada atleta tem“, concluiu.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!