Nacional

“Sporting não foi sério. Queriam era reduzir-me o salário para metade e disseram que estava lesionado”

Jogadores do Sporting na vitória do SC Braga na Supertaça

Na entrevista que concedeu ao diário desportivo Record, Sandro recordou a o caso que impediu a sua transferência para o Sporting em 2016.

Veja também: Pinto da Costa: “Rui Costa? Ficava triste é se chegasse a casa e a minha cadela não me cumprimentasse”

O internacional brasileiro esteve muito próximo de reforçar os leões, mas não passou nos exames médicos.

“Não, não, não… O que chega para as pessoas que estão por trás às vezes não é a verdade. O presidente do Sporting queria reduzir o salário e colocou a culpa no meu joelho. Quando cheguei para ser examinado, eles só fizeram exames ao joelho direito, não fizeram ao esquerdo, aos tornozelos, não fizeram controlo nenhum em outra parte do meu corpo. Foi muito estranho. Perguntei ao médico, que é agora o presidente, ‘não vou fazer exames a mais nada?’ Já tinha feito aquilo muitas vezes, por isso achei estranho. O Varandas respondeu que não, que era só ali. Então o meu empresário ligou-me e disse que o meu joelho estava bichado [lesionado]. ‘Como assim está bichado?’, perguntei. Vinha a jogar todos os jogos, estava a jogar nas férias… Mas eles queriam era reduzir-me o salário para metade. Então mas se o meu joelho não estava em condições, não me ofereciam metade. Se o joelho está bichado, não jogo. Aí eu disse ao meu empresário para levantar da mesa e ir embora porque eles não estavam a ser sérios. Eles andaram a tentar reduzir o salário durante um ano e eu sempre disse que não ia reduzir tanto. Só para jogar Champions? Também não. Eles foram lutando, baixaram um pouco e eu aceitei. Mas aí eles quiseram cortar ainda mais usando isso do joelho, e foi o que apareceu na imprensa“, afirmou.

Veja também: Pinto da Costa revela o salário milionário que Mbemba exigiu para continuar no FC Porto

Sandro, que na época passada representou o Belenenses SAD, não tem dúvidas de que este episódio prejudicou a sua carreira.

Se não ficar em Portugal prejudicou a minha carreira? Sim, porque isso apareceu em todo o lado. A minha carreira teve muitas situações semelhantes a essa. Não fechei aqui no Sporting, mas tinha outro clube para fechar… Eu escolhi o Sporting, mas tinha o West Brom interessado. Estive lá emprestado e eles deram o sinal para me comprarem, mas disse-lhes que preferia jogar no Sporting. Depois aconteceu tudo isto e complicou tudo. Voltei para Inglaterra e, nessa altura, o West Brom já não estava interessado, já tinha contratado outro jogador. Sim, pode dizer-se que essa situação prejudicou negociações futuras”, concluiu.

Veja também: Os 12 jogadores dispensados por Rúben Amorim e que aguardam guia de marcha do Sporting

Recorde-se que Sandro representou clubes como o Internacional de Porto Alegre, Tottenham, West Brom, Queens Park Rangers, Antalyasport, Génova, Benevento, Udinese, Goiás e Belenenses SAD.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!