Internacional

“Se vou rumar ao PSG?” – A resposta de Lionel Messi

Lionel Messi deixa o Barcelona

Na conferência de imprensa que marcou a despedida oficial de Lionel Messi ao Barcelona, o argentino quebrou o silêncio sobre a sua saída.

Veja também: AS Roma sofre goleada, Mourinho perdeu a cabeça e foi expulso (VÍDEO)

Sobre as negociações, o internacional argentino garante que estava tudo acordado para que continuasse na Catalunha. No entanto a Liga Espanhola não aprovou o acordo.

Por causa do problema da Liga não pudemos avançar. Estava tudo acordado, mas não pudemos avançar“, atirou.

Questionado sobre se o próprio clube havia feito tudo ao seu alcance para o manter, Messi não se quis alongar muito, mas garantiu que, da sua parte, fez todos os possíveis para permanecer.

“Não sei. O Laporta disse que foi por causa da La Liga. Eu fiz tudo o que era possível. Ouvi muitas coisas que disseram sobre mim, mas fiz tudo o que era possível para ficar. No ano passado não queria e também o disse. Este ano queria mas não foi possível”, afirmou.

Veja também: A explicação deste dedo em riste de Jesus para Rui Pedro Braz

O jogador garante também que não houve falsas esperanças.

Não, houve falsas esperanças, não. Estávamos convencidos de que ficaria. A prova disso mesmo é que tínhamos tudo tratado sem problemas. Creio que fui muito sincero com toda a gente. Como disse antes, não aconteceu, pelos motivos que se conhece. Da minha parte nunca enganei ninguém.

Por altura das eleições, jantei com Laporta. Falámos, jantámos e depois desse jantar estava convencido de que ia continuar, de que não haveria problemas. Nunca foi um problema de contrato. Depois passou o que se passou… Não tive dúvidas. Sabíamos o que tínhamos decidido e o que tínhamos pensado fazer”, salientou.

Veja também: Messi desaba em lágrimas na despedida ao Barcelona (VÍDEO)

O astro argentino considera que este é o momento mais difícil da sua carreira.

Sim, é este. Tivemos momentos duros, difíceis, derrotas… Mas no outro dia voltavas a treinar, tínhamos outra oportunidade. Nisto não há volta a dar, é o final. Agora começa outra história. É um momento muito difícil, sim. Sinto tristeza por sair deste clube, o clube que amo, num momento que não esperava. Nunca menti, fui direto. No ano passado queria sair, neste não. Daí a tristeza”, referiu.

O PSG tem sido apontado como o principal destino para Messi prosseguir a sua carreira, mas o avançado garante que nada está decidido.

O PSG é uma possibilidade. Neste momento não tenho nada acertado com ninguém. Quando saiu o comunicado tive muitas chamadas, vários clubes interessados. Mas ainda não há nada fechado, mas sim, estamos a falar“, revelou.

Veja também: Solskjaer arrependido com Bruno Fernandes: “Talvez tenha exagerado”

Por último Messi abordou a ideia de ser um rival do Barcelona.

As pessoas do Barcelona conhecem-me, sabem que sou um vencedor, que quero continuar a competir. Lutei sempre para ganhar tudo. Quero terminar a carreira dessa mesma maneira. A minha mentalidade foi sempre essa, de querer mais. A minha intenção foi ficar. Não foi possível, agora tenho que procurar o meu caminho para continuar a ganhar”, concluiu.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!