Internacional

Bruno Fernandes revoltado pensou em deixar o Manchester United

Bruno Fernandes em defesa do Manchester United

Segundo adianta o site britânico The Athletic, Bruno Fernandes ponderou deixar o Manchester United na última época.

Veja também: Félix faz estragos na defesa do Liverpool e dá o golo a Griezmann (Vídeo)

Em causa estava o facto de o clube inglês ter apoiado a criação da polémica Superliga Europeia. O internacional português mostrou-se particularmente incomodado por ver os red devils integrarem um projeto que em nada beneficia a competição saudável e a democratização do futebol.


De acordo com a mesma publicação, também Luke Shaw não gostou de ver o Manchester United como um dos criadores da Superliga Europeia e terá transmitido a sua indignação a Ed Woodward, diretor executivo do emblema de Old Trafford numa reunião remota na qual também esteve presente o diretor do futebol John Murtough.

Veja também: FC Porto deixa farpa a Benfica e Sporting após vitória na Champions

De resto os jogadores do Manchester United ficaram revoltados por verem a direção do clube avançar com este projeto sem os consultar. A verdade é que a Superliga Europeia morreu tão depressa quanto nasceu, devido à forte pressão dos organismos, jogadores e fundamentalmente dos adeptos.

Nove clubes cederam e abdicaram do projeto, enquanto Real Madrid, Barcelona e Juventus se mantém unidos no esforço de trazer a Superliga Europeia para discussão, apresentando a competição noutros moldes.

Veja também: Técnico do Milan critica arbitragem após derrota com o FC Porto

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!