Nacional

Benfica revela quanto recebeu por Cervi, Nuno Tavares e Pedrinho

Nuno Tavares, lateral-esquerdo do Benfica

O Relatório e Contas do Benfica revela o valor que os encarnados encaixaram com as vendas de Cervi, Nuno Tavares e Pedrinho, jogadores que deixaram a Luz no mercado que encerrou recentemente.

Veja também: De dispensável a provável titular nos Açores e a resolver problema de Jesus

No que diz respeito ao argentino, os encarnados venderam-no ao Celta de Vigo por 4,5 milhões de euros, rendendo um total de 1,9 milhões de euros. Este valor foi deduzido de um montante de pouco mais de 2,5 milhões de euros referentes a “gastos com serviços de intermediação; compromissos com terceiros, após o efeito da respetiva atualização financeira, tendo em consideração o plano de pagamento estipulado; e valor líquido contabilístico do direito do atleta à data de alienação“.

A esta verba “terá de ser deduzido um valor de 255 milhares de euros referente ao efeito da atualização financeira, tendo em consideração o plano de recebimento estipulado, o qual será reconhecido como um rendimento financeiro em exercícios futuros”.

As águias lembram ainda que podem encaixar mais 1,5 milhões de euros, dependente da concretização de determinados objetivos. Além disso o Benfica detém ainda 20% em mais-valias de uma futura transferência.

Veja também: Ronaldo com guarda-costas o dia todo para evitar ataques à família

No que diz respeito a Nuno Tavares, o jovem português foi vendido ao Arsenal por oito milhões de euros. No entanto, o Benfica encaixou 7,5 milhões de euros, “após dedução do montante de 475 milhares de euros que inclui: os gastos com serviços de intermediação, após o efeito da respetiva atualização financeira, tendo em consideração o plano de pagamento estipulado; a retenção do mecanismo de solidariedade; e o valor líquido contabilístico do direito do atleta à data de alienação; a este ganho terá de ser deduzido um valor de 166 milhares de euros referente ao efeito da atualização financeira, tendo em consideração o plano de recebimento estipulado, o qual será reconhecido como um rendimento financeiro em exercícios futuros”.

Por fim, Pedrinho foi vendido ao Shakhtar Donetsk tendo gerado um ganho de 2,9 milhões de euros “após dedução do montante de 15.024 milhares de euros que inclui: a retenção do mecanismo de solidariedade; e o valor líquido contabilístico do direito do atleta à data de alienação”.

Veja também: “O melhor que enfrentei?” – Ronaldo reage e surpreende jornalista inglês

O Benfica ainda encaixou 3,6 milhões de euros com Rúben Dias, devido à concretização de objetivos previamente definidos, relacionados com o desempenho do jogador no Manchester City. Este valor juntam-se os 68 milhões de euros pagos inicialmente.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!