Nacional

W52-FC Porto afastada da Volta a Portugal – ÚLTIMA HORA

Equipa de ciclismo w52-FC Porto

A União Ciclista Internacional (UCI) retirou a licença desportiva à equipa W52-FC Porto, que assim vai falhar a 83.ª Volta a Portugal, confirmou hoje a Federação Portuguesa de Ciclismo (FPC).

A Federação Portuguesa de Ciclismo confirma que foi hoje notificada pela União Ciclista Internacional (UCI) de que esta entidade decidiu retirar a licença desportiva à equipa continental W52-FC Porto, na sequência da informação recebida pela UCI sobre o processo que decorre na Autoridade Antidopagem de Portugal“, lê-se no comunicado da FPC.

Veja também: FC Porto interessado num dos melhores médios da época passada

A FPC salienta ainda na nota que “a decisão entra imediatamente em vigor, pelo que a equipa está impedida de voltar a competir“, o que inviabiliza, desde logo, a participação dos ‘dragões’ na 83.ª Volta a Portugal, que decorre entre 04 e 15 de agosto.

A estrutura W52, ligada ao FC Porto há seis épocas, venceu as últimas nove edições da prova ‘rainha’ do calendário nacional, embora os triunfos do seu corredor espanhol Raúl Alarcón, em 2017 e 2018, lhe tenham sido retirados por “uso de métodos e/ou substâncias proibidas”.

Veja também: Kovacevic desejado para a baliza do Benfica mas ex-Sporting aponta fraquezas

Em 15 de julho, oito ciclistas e dois elementos do ‘staff’ da W52-FC Porto foram suspensos preventivamente pela Autoridade Antidopagem de Portugal (ADoP) no âmbito da operação ‘Prova Limpa’.

Fonte: LUSA

1 comentário

  • Haja pão! Fez-se justiça ao fim de quantos anos andarem a ganhar a Volta sem a merecerem !? E a equipa de futebol também deve passar pelo controlo anti-doping. Quantos jogadores serão drogados ?

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!