Nacional

Pinto da Costa responde às críticas a Rui Costa após abraço que deu que falar

Pinto da Costa, presidente do FC Porto, em entrevista no Porto Canal

Pinto da Costa comentou pela primeira vez o abraço que deu a Rui Costa, a 30 de dezembro do ano passado, aquando do confronto entre FC Porto e Benfica.

Veja também: Polémica no Sporting: Slimani responde às críticas de Rúben Amorim

Para o presidente dos dragões as críticas que se fizeram ouvir para com o homólogo encarnado são incompreensíveis.

... -

Pinto da Costa salienta que o futebol não é uma guerra e lembra que tem amigos, recordando Fernando Martins, antigo presidente das águias.

Isso é quem acha que o futebol é uma guerra e eu não vejo o futebol assim. Dentro do campo todos têm que dar o máximo para vencer, mas cá fora as pessoas têm de se entender. Um dos grandes amigos meus que neste momento sinto a falta foi o Fernando Martins, foi presidente do Benfica, foi um grande presidente, que infelizmente não está connosco. Não tem a ver com o Benfica, através da nossa presidência criámos uma amizade que ficou para muito além dele ter deixado o Benfica, foi até à morte dele. Ele foi primeiro, mas até ao seu desaparecimento todos os anos me convidava para ir aos anos dele e eu estava lá sempre. Isso não tem nada a ver. Se surgir um indivíduo que não gosta de mim, paciência, o problema é dele, não estou preocupado com isso. Não misturo pessoas com clubes“, afirmou em declarações ao diário desportivo Record, à margem do jantar comemorativo dos 40 anos de presidência no FC Porto, organizado pela comissão de recandidatura.

Veja também: Ronaldo mostra a FOTO da sua bebé pela primeira vez: “Finalmente connosco”

Deixe um comentário