Nacional

Aviso de Amorim sobre a aposta na formação: “Doa a quem doer” (VÍDEO)

Rúben Amorim, treinador do Sporting em conferência de imprensa de antevisão

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Estoril, Rúben Amorim antevê dificuldades para o Sporting na deslocação à Amoreira.

“Prevemos muitas dificuldades, é uma equipa que está à nossa frente e que não tem nada a perder, vai jogar sem responsabilidade nenhuma. Tem um bom treinador e esse à-vontade traz ao de cima o melhor dos jogadores. Mas conhecemos bem o Estoril, jogámos na pré-época com eles, e vamos dar resposta ao que acontecer. Temos de ter atenção ao vento, que pode ser importante nas bolas paradas, mas sei que estaremos preparados”, afirmou.

Veja também: Bruno Fernandes ganhará num mês o que ganhava no Sporting num ano

A goleada sofrida diante do Ajax na Liga dos Campeões, trouxe à tona as dúvidas em torno das opções que o técnico leonino tem à sua disposição para o eixo da defesa.

Questionado sobre se os verde e brancos deveriam ter contratado mais um central, Amorim continua a defender a aposta na formação.

Sei o projeto em que estamos inseridos. Não sei o que vai ser da minha carreira, se daqui a uns tempos estarei num clube com outro projeto, mas o nosso passa pela formação, por levantar o clube em todos os aspetos e seguir um caminho. O facto de irmos à Liga dos Campeões não pode mudar nada, era muito perigoso, não vou ser eu a tentar ajudar-me, a ter mais jogadores e mais soluções. O que temos de fazer é o que tínhamos pensado, doa a quem doer. Sei o clube onde estou e qual é a minha ideia”, defendeu.

Veja também: Simeone defende Félix da crítica e reage ao golo anulado ao FC Porto

Luís Neto é uma das opções para o eixo da defesa, mas ainda não renovou contrato.

É muito cedo para falar da próxima época, estamos contentes com o Neto. É um exemplo do que deve ser um jogador, acredita sempre que pode jogar, estamos felizes com ele“, referiu.

Por último Amorim foi questionado se haveria algum central da formação pronto para dar o salto.

O Inácio quando surgiu na equipa principal era suplente, às vezes a defesa esquerdo, nos sub-23. Há jogadores aqui que surpreendem, nestas idades o que acontece vai mudando. Amanhã pode não ser com três centrais, o que senti depois e ver o Ajax é que devíamos ter tirado um dos defesas para pressionar mais na frente. O futebol vai evoluindo, eu vou vendo os outros treinadores que sabem mais do que eu, como foi o caso nesse jogo… O que sei é que o Sporting tem estas condições, este é o projeto e não se muda. A ideia do treinador, os miúdos que sobem, isso muda dia a dia. Todos os que derem bons sinais, terão a porta aberta na porta principal“, concluiu.

Veja também: Sabry pode juntar-se a José Mourinho na AS Roma

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!