Internacional

“Se ainda estivesse no Real Madrid nunca teria deixado Ronaldo sair”

Pedja Mijatovic foi diretor desportivo do Real Madrid entre 2006 e 2009, tendo estado por trás da contratação de Cristiano Ronaldo.

Veja também: VÍDEO: Futre desmente em direto notícia falsa da CMTV sobre o Benfica

O antigo dirigente recorda que a contratação do astro português foi bem sucedida, sobretudo pela vontade demonstrada pelo jogador.

Não nos podemos esquecer que o Cristiano já era Bola de Ouro e campeão europeu no Manchester United. Não foi uma contratação fácil mas o processo foi bastante célere. Falámos com o empresário e rapidamente tudo ficou preto no branco. A vontade do Ronaldo em ir para o Real foi crucial e decisiva“, afirmou.

Veja também: Nuno Santos responde aos insultos e mete Benfica e FC Porto ao barulho

No entanto, Mijatovic discorda da decisão em deixar partir Ronaldo para a Juventus.

Se eu ainda lá estivesse nunca o tinha deixado sair. Jogadores como ele, Modric ou Sergio Ramos não podem sair. São jogadores que, mesmo que não rendam como no início, dão aquele extra à equipa. Imaginem um jovem avançado que chega ao clube e aprende tudo com o Ronaldo ou um defesa que o faz com o Sergio Ramos. O futebol não passa apenas por ter os melhores jogadores no momento mas também importa a preparação do futuro”, concluiu.

Veja também: Irina Shayk falou sobre a mãe do filho mais velho de Ronaldo

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!