Nacional

Jorge Jesus recorda Rúben Amorim: “Tivemos algumas complicações”

Na entrevista que concedeu à Sport TV, Jorge Jesus recordou alguns dos jogadores que passaram pelas suas mãos e que se tornaram treinadores.

Veja também: FOTOS: Ronaldo engordou coleção de bombas da sua garagem de luxo

O técnico do Flamengo teve às suas ordens Sérgio Conceição, Paulo Fonseca, Jorge Silas e Rúben Amorim.

O Sérgio é diferente, era um miúdo quando foi o meu jogador. O Silas já foi mais no fim da carreira dele, assim como o Paulo Fonseca. Quando tens paixão pelo treino e pela tua profissão queres seguir a carreira de treinador, quando não tens não valorizas. Durante a minha carreira, aqueles que eu vejo, tento incutir-lhes isso [o desejo de ser treinador] e digo-lhes: ‘Tu tens de ser treinador’“, afirmou.

Veja também: Atlético de Madrid: Valor de mercado de João Félix sofre forte queda

Jesus aprofundou o caso específico do novo treinador do Sporting. O técnico português reconhece que teve alguns problemas com Amorim, mas sempre viu potencial para que se tornasse treinador.

O Rúben Amorim foi quem mais trabalhou comigo, esteve sete anos comigo. Não houve quem treinasse mais tempo comigo. Mas o Rúben tem umas características especiais. Tivemos algumas complicações, no que diz respeito dos interesses do treinador e do jogador, por isso é que me apaixonei pelos jogadores brasileiros e por este grupo do Flamengo, que é completamente diferente daquilo que eu tenho apanhado”, concluiu.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!