Nacional

Rodolfo Reis recusa pedir desculpa por duvidar das lesões no Sporting

Rodolfo Reis, comentador afeto ao FC Porto na CMTV

Antes do clássico de sábado, uma onda de lesões levou a que três jogadores do Sporting falhassem os compromissos com as respetivas seleções.

Veja também: Del Piero defende Ronaldo: “A Juventus não cresceu com a superestrela”

Pedro Gonçalves, Gonçalo Inácio e Sebastián Coates regressaram antes do previsto aos leões e o clima de suspeição rapidamente se instalou.

Rodolfo Reis foi um dos que duvidaram da veracidade das lesões dos jogadores do Sporting, dando a entender de que tudo não passaria de uma estratégia para que estivessem em condições para o clássico.

No entanto, Pedro Gonçalves e Gonçalo Inácio acabaram mesmo por não ir a jogo.

Veja também: Conceição responde a Simeone: “Ele era mais ‘bitaiteiro’ no balneário”

Questionado sobre esse facto, o comentador afeto ao FC Porto recusou-se a pedir desculpas, defendendo-se de que comenta consoante a atualidade e as informações de que dispõe na altura. Rodolfo Reis lembra ainda que há comentadores que não têm a coragem de dizer o que realmente pensam.

Há muito enganador nas televisões. Uns dizem uma coisa e pensam outra. Outros pensam uma coisa e dizem outra. Depois, andamos aqui a enganar o público“, afirmou.

Veja também: A reação de Pepe após ser questionado sobre o lance com Coates

O comentador defende que os jogadores devem representar as respetivas seleções, mas lembra que há interesses que por vezes se sobrepõem.

Qualquer jogador do mundo quer ir às seleções, mas depois sobrepõem-se os interesses do clube. Não tenho dúvidas nenhumas de que qualquer jogador do mundo quer jogador nas suas seleções.

Não sei se existem práticas fraudulentas. A mim, provocaram desconfiança. Só que eu sou muito mais direto. Muita gente diz a mesma coisa que eu digo, só que eu sou direto. Eu digo: é ou não é. Depois, fico mal. Ou fico bem. Temos de assumir. Fazem-me perguntas concretos e eu dou respostas concretas. Meti água? Problema meu. Não podemos ser enganadores“, disse.

Veja também: O discurso “poderoso” de Ronaldo ao plantel do United antes da estreia

Por último, Rodolfo Reis felicitou Rúben Amorim, pela forma como encarou as suspeições.

Parabéns ao Rúben. Parabéns. Eu desconfiei. Dou os parabéns ao Rúben Amorim. Foi grandioso“, concluiu.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!