Nacional

Revelações sobre a confusão no túnel da Luz durante entrevista de Amorim

Rúben Amorim em conferência de imprensa antes do jogo do Sporting na Liga dos Campeões

Após o dérbi entre Benfica e Sporting, que terminou empatado, os ânimos voltaram a aquecer no túnel da Luz. Durante a transmissão da flash interview de Rúben Amorim na BTV, foram audíveis os gritos de alguma exaltação. O treinador leonino saiu do local em questão, acabando por regressar mais tarde e o diário desportivo A Bola revelou o que se passou.

Veja também: Comunicado forte do Al Nassr após acusações graves a Ronaldo

Os intervenientes da confusão eram Hugo Viana, diretor-desportivo dos leões, e Paulo Magalhães, responsável da empresa de segurança do Estádio da Luz. Apesar de o episódio não ter tido consequências de maior, o caso deverá constar do relatório do delegado da Liga e das autoridades policiais.

Já o diário desportivo Record lembra que Hugo Viana e Paulo Magalhães já têm desavenças antigas. Ambos protagonizaram um desentendimento na final four da Taça da Liga da época passada.

Em declarações à Lusa, Artur Serafim, comissário da PSP, recusou comentar o incidente.

Não falo sobre isso, isso já é um tema do delegado da Liga“, atirou.

Veja também: Kátia Aveiro conta a verdade sobre emprego na mansão de Ronaldo em Cascais

1 comentário

  • Querem ganhar de qualquer maneira foi igual no tempo do Hulk puniram com 3 meses depois vieram dizer “apanhou 2 jogos” já eram campeões será que vão divulgar com seriedade honestidade a pancadaria confusão rebelião do que aconteceu quem foram os autores de mais uma guerra no famoso túnel vamos esperar ou se vai ficar abafado oculto.

Deixe uma resposta