Nacional

Regresso de Vieira ao Benfica? Advogado revela os seus planos

Luís Filipe Vieira, líder do Benfica, em conferência de imprensa

Na entrevista que concedeu à TVI, Magalhães e Silva revelou os planos de Luís Filipe Vieira para o futuro.

Veja também: A reação de Ronaldo à conquista da Itália do Euro 2020 (FOTO)

O advogado revela que o presidente auto-suspenso não descarta um regresso ao Benfica, após o processo Cartão Vermelho.

É uma coisa que ele está a ponderar. Ele suspendeu as funções no Benfica e porque só as suspendeu, quando as entender retomar, poderá retomá-las porque pode fazer isso. É uma coisa que ele está efetivamente a ponderar“, afirmou.

Veja também: Octávio Machado arrasa Pinto da Costa: “Espetou-me a faca nas costas”

Na mesma entrevista Magalhães e Silva negou a tese de que Vieira tenha lesado o Benfica na contratação de jogadores.

“Muita gente tem uma concessão ética e económica com padrões diferentes. O que está ali assim descrito são atividades económicas normais. Eu explicito porque se não pensamos que estamos numa conversa de tontos. Vamos pensar nos três blocos de factos que estão na indiciação do MP. Os factos de que o MP acusa Luís Filipe Vieira são os seguintes: contratos de compras de jogadores. Jogadores que estão comprados pelo valor de mercado, as comissões pagas ao intermediário são as comissões dos valores do mercado e, portanto, não está dito, em nenhum momento, que haja qualquer irregularidade nestes contratos relativos à aquisição de jogadores“, referiu.

Veja também: A reação curiosa de Vieira à subida de Rui Costa à presidência do Benfica

O advogado diz também não entender o envolvimento do empresário Bruno Macedo neste processo.

[É algo que] Teria de perguntar ao Ministério Público porque eu também não percebo por que motivo está aqui como arguido. Aquilo a que se refere ao Sr. Luís Filipe Vieira é igualmente válido para qualquer dos outros arguidos. Há aqui um blocos de factos. Uns aplicam-se a uns, outros aplicam-se a outros, ao Sr. Luís Filipe Vieira aplicam-se todos. Posteriormente diz-se, ao recebimento das comissões, que este intermediário comprou imóveis a empresas da área imobiliária do Sr. Luís Filipe Vieira e mais tarde entrou em participações sociais de empresas. Suponhamos que estava escrito: ‘Estes jogadores não valem um caracol e os preços pagos por eles são manifestamente excessivos, como são manifestamente excessivas as comissões que foram pagas.’ Portanto, quando ele posteriormente vai comprar imóveis na área imobiliária do Sr. Luís Filipe Vieira a gente está mesmo a ver: ‘Ele está a transferir por essa via e escondidamente o que recebeu’. Não está dito nada disso. Se o Ministério Público tivesse dito ou insinuado isso, seria efetivamente crime. O que está dito é rigorosamente o que eu disse. Portanto, quando eu ouço falar em lesão dos interesses do Benfica pergunto – cuidado, não me interessam efetivamente muito porque já se sabe qual é a minha afiliação desportiva, mas interessa-me neste contexto – provocatoriamente: ‘Mais quais interesses?’“, concluiu.

Veja também: “Vieira autorizou gravação do episódio da série de Pinto da Costa na Luz”

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!