Nacional

Pirlo aborda o Juventus-FC Porto e até o Benfica foi metido ao barulho

Cristiano Ronaldo no embate entre FC Porto e Juventus na Liga dos Campeões

Na conferência de imprensa de antevisão ao JuventusFC Porto, Andrea Pirlo deu a receita para dar a volta à eliminatória e seguir em frente na Liga dos Campeões.

Veja também: Ronaldo muda o seu império de milhões para Portugal

A Juventus terá de fazer um jogo muito técnico e vai enfrentar uma equipa compacta com duas linhas muito estreitas, pelo que haverá pouco espaço e pouco tempo para pensar. Vai ser necessário muita técnica e poucos erros para tentar abri-los no terreno e será necessária muita paciência, porque nós não podemos ter muita pressa para avançar. Primeiro pelo meio, mas depois teremos de ter paciência para conseguir virá-los de um lado para o outro”, afirmou.

Para a concretização deste objetivo, o técnico bianconeri contará com o regresso de alguns jogadores que estavam a contas com lesões.

“Estão bem. Hoje todos treinaram, foi a primeira vez que eu pude ter toda a gente no grupo, sem contar com o De Ligt que só fez o aquecimento e depois foi trabalhar à parte. Os outros estão disponíveis. Não estão 100% da sua condição física, mas já é muito tê-los entre as opções para amanhã. Chiellini só treinou hoje com o resto da equipa após três semanas ausente. Não está no seu melhor mas penso que estará disponível para amanhã”, referiu.

Veja também: Conceição foi questionado sobre estrelinha do Sporting e arrasa jornalistas (VÍDEO)

Pirlo não pensa nas implicações que o resultado desta partida poderá ter no seu futuro como treinador da Juventus.

“Amanhã será um importante e decisivo jogo para o apuramento. Para nós é como se fosse uma final e para o FC Porto também. Teremos de dar a volta ao resultado negativo da primeira mão e teremos de estar ao nosso melhor, sabendo que o desfecho está em aberto. Teremos de ser muito lúcidos para gerir o jogo. Na minha opinião não acho, porque eu sei qual é o meu projeto e o do clube. É um jogo decisivo na Liga dos Campeões”, disse.

Por isso para o treinador da Vecchia Signora esta partida não tem um significado especial.

Para mim não, para a equipa e para o clube sim. Nós sabemos da importância de jogar na Champions e a beleza desta competição, quando tens a hipótese de disputar estes desafios em que a energia é totalmente diferente, mas não acho que seja diferente de outros jogos importantes“, considerou.

Veja também: Sporting e Rúben Amorim acusados de fraude grave – ÚLTIMA HORA

Olhando para o jogo da 1ª mão no Dragão, Pirlo procurou explicar os erros cometidos nessa partida.

“Vimos e revimos o jogo. Tal como disse logo depois do jogo, nós planeámos jogar de forma diferente, mas surge um erro ao fim de um minuto e as cartas no jogo mudam. Mudámos a forma de jogar e eles também. Nós tínhamos ter maior clarividência em menos pressa em encontrar espaços para os ferir. A partir desses erros, tentaremos melhorar e encontrar outras soluções”, disse.

O treinador da Juventus mostra-se cómodo com a pressão inerente a esta partida.

Sim, sabemos que não vamos recuar, sabemos que temos todas as capacidades para seguir em frente. Sem subestimar a qualidade do Porto, mas sabendo que somos a Juventus e temos de acreditar que podemos seguir em frente. Teremos de vencer o jogo, sem cometer erros, e gerir os 90 minutos na máxima concentração e muita agressividade, sabendo que defrontamos uma equipa muito forte do ponto de vista físico e habituada a este tipo de desafios. Não podemos perder nem um minuto do jogo”, referiu.

Veja também: Waldschmidt comenta problemas de comunicação com Jorge Jesus

Por último recordou a partida das meias-finais da Liga Europa de 2014 com o Benfica, em que a Juventus acabou eliminada. Pirlo não quer ver os mesmos erros que foram cometidos, onde na altura ainda jogava.

Tivemos a oportunidade de jogar a final em Turim, mas cometemos muitos erros especialmente porque quisemos resolver as coisas rapidamente. Estivemos com muita pressa e perdemos a clarividência. Infelizmente foi uma oportunidade falhada, porque todos queríamos jogar a final da Liga Europa em Turim”, concluiu.

Recorde-se que o Juventus-FC Porto disputa-se amanhã às 20h00.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!



WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com