Nacional

Mal-estar entre Jesus e jogadores agrava-se após eliminação do Benfica

Jorge Jesus na conferência explosiva que antecedeu o Arsenal-Benfica

Segundo adianta o diário desportivo Record, a eliminação do Benfica da Liga Europa aos pés do Arsenal contribuiu para o agravar o mal-estar entre Jorge Jesus e os jogadores.

Veja também: Ristovski goza com azia de Sérgio Oliveira com esta FOTO

A mesma publicação garante que se sente um desgaste na relação, revelando que os jogadores estão descontentes ora com as opções técnicas de Jesus ora com as suas declarações, nomeadamente quando aponta publicamente os erros cometidos nas partidas.

Após o jogo frente aos gunners, recorde-se, visou Nuno Tavares e Everton Cebolinha.

Faltou-nos ser melhores nos lances do Everton e do Nuno Tavares, são pormenores que custam, depois de termos feito um grande jogo contra uma grande equipa“, atirou.

Veja também: Amorim: “Palavras de Sérgio Oliveira? Não vamos levar a peito”

Já antes Jesus havia feito referência a golos sofridos em situações fáceis para justificar a titularidade de Helton Leite, em detrimento de Vlachodimos. Recorde-se que o treinador considera que o guardião grego poderia ter feito mais no golo que garantiu a vitória do Sporting no derbi.

Uma justificação que não caiu bem junto de Vlachodimos, uma vez que manteve a sua baliza a zeros nos dois jogos que se seguiram ao derbi lisboeta.

Veja também: Mãe de Ronaldo fez a festa após o nulo do Sporting no Dragão (VÍDEO)

Refere o Record que Rui Costa procurou manter a união, não só pela forma como festejou os golos do Benfica frente ao Arsenal, agarrando-se a Jesus e Luisão, como pela forma como confortou Otamendi no intervalo. A lenda do clube pelos jogadores que se encontravam na bancada, pedindo para que apoiassem a equipa.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!