Nacional

“João Mário não foi ao Europeu porque Fernando Santos percebe pouco”

João Mário no primeiro dia ao serviço do Benfica

No programa desportivo da CMTV, Rodolfo Reis teceu rasgados elogios a João Mário, que reforçou o Benfica, após saída polémica do Sporting.

Veja também: Pedro Guerra reage ao fracasso da manifestação de apoio a Vieira (Vídeo)

O comentador afeto ao FC Porto, destaca aquilo que o médio encarnado pode oferecer.

“O João Mário é tal e qual aquilo que o Jorge Jesus disse. E o que disse de João Mário é aquilo que nós, homens do futebol, sabemos: é um jogador que pausa o jogo, que lhe dá velocidade, mas sem grandes sprints. A bola é que corre. Se eu correr com a bola demoro muito mais. Os grandes jogadores são estes, capazes de definir antes de receber a bola“, referiu após o empate do Benfica diante do Marselha.

Isto é que é velocidade de jogo, isto é que é classe e categoria. Há jogadores que, de primeira, colocam a bola numa situação de contra-ataque quando a equipa está a defender. E João Mário tem isto. E vem trazer ao Benfica algo que a equipa não tinha“, acrescentou.

Veja também: Dupla de dispensados do FC Porto pode estar a caminho do Portimonense

Perante as qualidades que João Mário oferece, Rodolfo Reis apontou a mira a Fernando Santos, voltando a condenar a decisão do selecionador nacional de deixar o médio de fora da convocatória para o Euro 2020.

João Mário não foi ao Europeu porque o treinador se calhar não percebe desta coisa, ou percebe pouco desta coisa. Uma equipa é uma mescla de jogadores diferentes: uns dão umas ‘porradas’, outros jogam bem de cabeça, outros são rápidos. Se calhar, Fernando Santos levou muitos jogadores iguais e depois viu-se aflito, porque quando tirava um médio e metia outro o resultado era a mesma coisa…“, concluiu.

Veja também: Francisco J. Marques reage a críticas de Fábio Silva a Sérgio Conceição

1 comentário

  • Esta é uma apreciação cirúrgica. João Mário fez falta na seleção. Mas, como o Inter de Milão, entrou numa de desqualificação e desvalorização do Jogador, vai daí, o monocórdico -cansativo ao ouvido dos audientes, Fernando Santos, porventura, esteve mais desperto para jogadores comercializáveis com boas margens para Jorge Mendes, não fez caso de João Mário. Portugal ficou a perder por isso ter acontecido. Também o conservadorismo excessivo devido à insegurança (altamente contida) desse treinador nacional explica a rejeição por João Mário, da parte de F. Santos. Não está em causa uma apreciação de F. Santos. Quero deixar bem claro que, o Sargento, treinador da seleção nacional, P. Bento, foi pior do que F. Santos que, mesmo assim, com sua cara de enjoado, ainda deu algumas alegrias aos Portugueses. Com o avanço da idade nota-se que F. Santos, já não tem o discernimento mental, nem a sagacidade que outrora tinha. Daqui a 3 anos, se o Mourinho vier para a seleção nacional, faz todo o sentido que o Rodolfo seja seu apanha bolas e ajudante de campo de Mourinho.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!