Nacional

Dirigente da ADoP ameaçado após suspensão da W52-FC Porto

Equipa de ciclismo w52-FC Porto

O diretor-executivo da Autoridade Anti-Dopagem de Portugal denuncia ter sido alvo de ameaças, na sequência do caso da W52-FC Porto. Em duas mensagens publicadas online, António Júlio Nunes revelou que recebeu em casa um pacote com um cartucho. Tudo isto poucas horas da UCI ter suspendido a equipa da W52-FC Porto, que assim falha a Volta a Portugal.

Veja também: Conceição reage à saída de Francisco e dá reposta a Fernando Madureira (Vídeo)

Houve ainda uma outra publicação, entretanto apagada, faz revelações surpreendentes. Numa mensagem em inglês, o dirigente da ADoP e a sua família tiveram de ser colocados sob proteção policial, após as ameaças à integridade física que sofreram nas últimas horas.

Entretanto o FC Porto já suspendeu o contrato com a W52, na sequência deste escândalo de doping.

Veja também: Arouca arrasa Sofia Oliveira após falar sobre regresso de Ronaldo ao Sporting

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!