Nacional

Conceição pediu que Jesus mais vivo e o técnico do Benfica respondeu

Jorge Jesus em conferência de imprensa no Benfica

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Santa Clara, Jorge Jesus considera que os açorianos vão colocar dificuldades ao Benfica. O técnico encarnado chama a atenção para os lances de bola parada.

Veja também: FOTOS: Depois do iate de luxo, Ronaldo já comprou um novo Bugatti

“As expetativas são sempre as mesmas. O Benfica joga sempre para ganhar e este jogo não é diferente. Confiança mas respeitando o adversário, sabendo que é um adversário que nos Açores é difícil. A nossa ideia é continuar na caminhada da recuperação do nosso primeiro lugar, esse é o nosso objetivo, não sei quando, mas o mais rapidamente possível recuperar a nossa classificação. Não adivinho o que o jogo vai ditar, mas vai ser um adversário com uma organização defensiva muito forte, que quer sair em contragolpe e surpreender o Benfica. É uma equipa de bola parada forte, isto vai ser o cenário do jogo. O futebol é aleatório e nunca sabes o que vai acontecer, por mais que andes por aqui”, afirmou.

A Supertaça ainda foi tema abordado nesta conferência de imprensa, nomeadamente a chamada que teve com Sérgio Conceição. O treinador do FC Porto confessou que gostava de ver Jesus mais vivo.

O Sérgio Conceição não falou comigo depois do jogo. Falámos no dia de Natal, desejamos um bom Natal um ao outro. Ponto. Não falámos sobre o jogo nem sobre futebol. Se estou mais apático? Continuo a ter a mesma paixão, mas não sou o mesmo treinador, mal de mim se fosse o mesmo treinador que há 10 anos quando cheguei ao Benfica, mal de mim se não tivesse evoluído“, referiu.

Veja também: Ronaldo perdido no olhar de Georgina na passagem de ano (FOTOS)

Jesus congratulou-se ainda com o regresso de Pizzi, depois de ultrapassada a infeção de Covid.

O Pizzi é um jogador crucial da equipa, pelo que tem representado este ano e por o que tem representado antes de eu chegar. É um jogador influente na equipa, mas hoje no mercado, em qualquer parte do mundo, não há nada que seja seguro. Mas conto com o Pizzi, 100 por cento, sem dúvidas“, garantiu.

O técnico encarnado foi ainda questionado pela inconstância da sua equipa.

Nem consegue o Benfica ser constante nos 90 minutos, nem consegue nenhuma equipa do mundo. O que queremos é continuar a ganhar, com sofrimento, alguns com sofrimento, também não há muitos jogos que consigas ganhar sem sofrimento. Há muita competitividade no futebol português e os passos que queremos dar é melhorar as nossas ideias de jogo. Estou há cinco meses no Benfica, desses se calhar tenho dois meses e meio de trabalho, devido a vários fatores. Acreditamos que, jogo a jogo, a equipa possa estar mais de acordo com as ideias que tenho para a equipa. O futebol mudou, não há adeptos. Aquela força dos adeptos, e principalmente no Benfica, onde os adeptos têm uma influência muito grande na equipa, que ajudam a equipa a ganhar, que obrigam a equipa a ter mais intensidade. As coisas mudaram e o que eu quero é que os adeptos regressem rapidamente ao Estádio da Luz, porque nós sentimos muita falta”.

Veja também: Georgina prepara festa de ano novo mas bebés querem é brincar (VÍDEO)

Por último Jesus deixou o maior desejo para 2021.

O que todos desejamos que melhore em 2021 é a nossa liberdade individual, física relacionado com a pandemia, isso será o melhor que pode acontecer no ano de 2021. Queremos que isto[COVID-19] saia das nossas vidas porque condiciona do ponto de vista familiar, financeiro, tudo o que é o normal para um cidadão“, concluiu.

O Santa Clara-Benfica disputa-se amanhã às 17h00.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!