Nacional

Conceição e o amarelo por não ter braçadeira: ‘Manuel Mota não explicou, ele gritou’

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto

Na flash interview que se seguiu ao triunfo do FC Porto sobre o Gil Vicente nos quartos de final da Taça da Liga, Sérgio Conceição reagiu ao amarelo que lhe foi exibido por não ter envergado a braçadeira de treinador.

[Manuel Mota] Não explicou, ele gritou. Não sabia o porquê. Lá me disse que foi por não ter a braçadeira. Acho que é inédito. Não me lembro que um árbitro viesse ao banco dar um amarelo por não ter a braçadeira. Podia ter avisado. Se tiver que pagar a multa, pago por não ter a braçadeira. Não sei. Têm de falar com ele“, afirmou.

Veja também: Conceição viu amarelo por não ter braçadeira de treinador (Vídeo)

Sobre o jogo, o técnico azul e branco considerou que foi estranho.

Jogo estranho. Más decisões, muito tempo perdido, VAR, uma ou outra lesão. Jogo parado muitas vezes. A forma como estávamos a tentar condicionar o adversário não estava a resultar como pensávamos. Outra vez uma segunda parte melhor do que a primeira, com muitas ocasiões, mesmo antes da expulsão do Danilo [lateral do Gil Vicente]. Devíamos ter feito uma exibição mais sólida”, referiu.

Conceição lamentou ainda as lesões de Pepê e Evanilson.

Evanilson saiu lesionado, Pepê também, dois jogadores que entraram e tiveram que sair. Algumas incidências que não foram normais. Importante é que ganhámos, estamos na final-four. Vamos preparar bem o jogo com o Arouca, para o campeonato. Há coisas a melhorar e estamos cá para isso“, concluiu.

Veja também: Filha de Ronaldo e Georgina volta a sofrer crise de saúde

Já na conferência de imprensa, Conceição voltou a abordar o amarelo.

“É a primeira vez, acho que é inédito. Até porque [Manuel Mota] não tinha ido ao banco, não tinha avisado. Eu estava sentado a refletir sobre algumas situações do jogo. A forma como vem, a agressividade com que se fala… Acho que não é bom. Quando tirei o casaco, a braçadeira foi junto e nem me lembrei da braçadeira, estou ali a ver o jogo. Mas pronto, está escrito, quando o treinador não tem a braçadeira no braço o árbitro pode dar amarelo e foi essa a razão“, concluiu.

Deixe uma resposta