Nacional

Carvalhal reage à hipótese de treinar a Seleção: ‘Venha quem vier…’

Carlos Carvalhal, treinador do SC Braga

Depois da saída de Fernando Santos, a Seleção Nacional continua sem selecionador e Carlos Carvalhal descartou-se das possíveis opções.

Veja também: Júlio Magalhães diz que era demitido se parasse a divulgação dos emails do Benfica

O técnico português assume-se feliz no Celta de Vigo e pretende cumprir o seu contrato, garantindo que, enquanto for feliz, não mudará de opinião.

Para mim é um orgulho estar na lista de potenciais candidatos a selecionador. Estou a 100% no Celta e vou ficar aqui no clube por ano e meio. Estou muito entusiasmado e tranquilo. Acredito muito no projeto, nas ideias do presidente e do Luís Campos. Quem me conhece sabe que, quando estou feliz, não mudo nunca, venha quem vier. Aconteceu isso no Sheffield Wednesday, quando tive a oportunidade para a Premier League no primeiro ano e fiquei lá três temporadas. Para mim o mais importante, como pessoa e treinador, é ser feliz“, afirmou na conferência de imprensa de antevisão ao duelo com o Gernika, da Taça do Rei.

Veja também: Georgina deixa recado sobre zanga com mãe de Ronaldo

Deixe uma resposta