Nacional

Bruno Fernandes declara-se ao Sporting: “É o clube que mais me marcou”

Bruno Fernandes concedeu uma entrevista ao diário desportivo A Bola, onde falou sobre a sua saída do Sporting para o Manchester United.

Veja também: Um dos maiores escândalo no futebol? Marco Veratti que joga no PSG é uma mulher…

O médio guarda boas recordações sobre os tempos que passou de leão ao peito.

“[…] Fiquei triste por deixar o Sporting, porque foi um clube que me marcou muito. Por tudo o que aconteceu, por tudo o que vivi no clube, por todos os momentos positivos e negativos, foi o clube que mais me marcou até agora e foi o clube por que criei mais carinho e afinidade de todos os que joguei até ao momento”, afirmou.

Veja também: Darwin Nuñez ser a contratação mais cara da história do Benfica

Bruno Fernandes garante que colocou toda o seu amor e paixão em prol do Sporting.

Quero que saibam que gostei, e gosto, do Sporting, gostei mesmo de estar lá, vivi o clube a mais de 100 por cento, todos os dias a todas as horas, sempre com o máximo de intensidade e de amor e paixão pelo Sporting e pelo amor que tenho pelo futebol, porque em qualquer clube o amor e paixão que vou meter no jogo serão sempre os mesmos. Agora, o sentimento que se cria pelo clube não será o mesmo”, referiu.

Veja também: Seleção Nacional apresenta FOTOS dos lindos novos equipamentos

Saída para o United foi inesperada

No início da passada temporada, Bruno Fernandes teve a oportunidade de sair de Alvalade. No entanto a transferência não se concretizou. Por isso foi com surpresa que viu selada a sua transferência para o Manchester United em janeiro.

“[…] Sou feliz onde estiver, porque acredito que as coisas acontecem cada uma a seu tempo… E o meu foco foi estar no Sporting. A partir do momento em que em janeiro se começou outra vez a falar, sabia que se ia insistir nisso, mas tinha metido na cabeça: não vou sair! Pensei: se acontecer acontece, mas não vou sair, faz-me mal estar a pensar nisso. Eu queria estar no Sporting, porque estava bem no Sporting, nunca fiz um forcing para sair do Sporting. Não era eu querer sair, mas antes apenas achar que estava pronto para chegar à Premier League”, concluiu.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!