Nacional

“Benfica perdeu dois pontos ou ganhou um?” – A resposta de Jesus

Jorge Jesus, treinador do Benfica, em conferência de imprensa

Após o empate do Benfica diante do Dínamo de Kiev (0-0), a contar para a 1ª jornada do grupo E da Liga dos Campeões, Jorge Jesus procedeu à análise da partida.

Veja também: As palavras de Conceição para adepto que caiu da bancada no clássico

O técnico encarnado foi questionado se considerava que o Benfica havia ganho um ponto ou perdido dois.

“Depois do jogo é fácil ter opiniões que têm pouco a ver com o jogo e sim mais com o resultado. O Benfica fez um grande jogo onde não concretizou toda a sua qualidade de jogo. Não foi falta de eficácia, não criámos foi grandes ocasiões – criámos uma clara, do Roman, na segunda parte. O jogo todo ele foi comandado pelo Benfica mas faltou na zona da decisão criar lances. Ganhámos um ponto, estamos na Champions, não estamos no campeonato do… para não dizer outra coisa. Ganhámos um ponto“, afirmou em declarações à Eleven Sports.

Veja também: Ronaldo acerta em segurança no aquecimento e deixa-o K.O (FOTOS)

Apesar do empate, Jesus destaca a qualidade evidenciada pelos seus comandados, lembrando as dificuldades de vencer no terreno do Dínamo de Kiev.

“Cada equipa tem o seu valor e é diferenciada. Esta equipa do Dínamo vai criar problemas a qualquer adversário aqui. Se fizerem marcha-atrás aos resultados, só Juventus e Barcelona é que ganharam aqui nos últimos anos. Fizemos um grande jogo, faltaram oportunidades para fazer golo, mas nos dois últimos minutos estivemos à beira de perder. O futebol é isto. Mais um jogo em que a equipa não perde e sai moralizada pela qualidade de jogo. Quando estamos numa prova como esta, o importante é ganahr mas também não perder”. referiu.

Veja também: Passe de trivela de Bruno Fernandes para Ronaldo marcar na Champions (Vídeo)

Sobre os últimos minutos da partida, em que o Benfica arriscou perder a partida, Jesus considerou que foram simples situações do futebol.

O futebol é uma modalidade em que nem sempre quem comanda ganha. Foi o caso do Benfica. Em dois minutos esteve quase a perder e isso acontece porque são situações de futebol. A bola que que bate no poste é uma finalização fora da área, não há muito mais a fazer. E depois a segunda bola dá aquela confusão toda. No futebol nunca sabes sempre se estás a controlar. Hoje foi a prova disso. Mas se alguém tinha de sair vencedor era o Benfica“, disse.

Veja também: Del Piero defende Ronaldo: “A Juventus não cresceu com a superestrela”

Olhando para a partida com o Barcelona, Jesus considera que é possível manter consistência defensiva diante dos catalães.

Acredito que a podemos manter, estamos muito fortes a defender. Não é só o não sofrer, é o adversário não ter tido ocasiões, tirando aqueles dois minutos. Isso diz que a equipa defende bem. Às vezes não se sofre mas houve sorte ou o guarda-redes faz grandes defesas… Não é isso que tem acontecido com o Benfica. Isso dá-nos uma confiança muito grande”, concluiu.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!