Nacional

Amorim e o jogo com o Marselha: “Um empate não é um bom resultado”

Rúben Amorim em conferência de imprensa de antevisão a um jogo do Sporting

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Marselha, a contar para a Liga dos Campeões, Rúben Amorim discorda da tese de que um empate seja um bom resultado para o Sporting.

Não é um bom resultado, como o Pote disse, somos o Sporting, uma equipa grande de Portugal, estamos a crescer e queremos vencer. Este grupo pode mudar de um momento para o outro. Estamos numa má posição no campeonato e ganhar jogos na Champions ajudou-nos. É uma competição onde ganhamos dinheiro e é importante para nós. Queremos os três pontos. Espero um bom jogo dos meus jogadores, que saibam ler o jogo, mas a ideia é sempre vencer“, afirmou.

Veja também: Jornalista inglês chama idiota a Ten Hag e atira: “A forma como está a tratar Ronaldo é vergonhosa”

O técnico leonino encontra semelhanças entre as duas equipas.

Acima de tudo há uma grande parecença entre as duas equipas, é que o Marselha fez dois bons jogos na Champions, não merecia perder em casa com o Frankfurt e se não fosse a expulsão contra o Tottenham também estaria complicado. Nós também temos tido bons jogos no campeonato, a meu ver não merecíamos perder, mas também temos culpa. Temos uma identidade, jogamos sempre da mesma forma, seja na Champions ou no Campeonato. Mesmo estando em 7.º na Liga o nosso clube obriga-nos a ganhar”, referiu.

Assim Amorim está ciente dos perigos que o Marselha pode representar para o Sporting.

Jogamos praticamente no mesmo sistema, mas de formas diferentes. Talvez o facto de os laterais estarem muito projetados seja uma diferença. Jogar com o Guendouzi ou com o Payet pode ser completamente diferente. Nós temos jogado com extremos com os pés trocados, por isso há sempre essas diferenças. Temos de nos focar muito naquilo que fazemos. Vai ser uma luta de ideias e as individualidades vão fazer a diferença. Confio muito no Pote e nos seus colegas para fazer a diferença para o nosso lado”, disse.

Veja também: Rodolfo Reis: “Contra o Benfica, o Sporting cala-se e não existe. Vais longe, Varandas”

O treinador do Sporting abordou ainda a possibilidade de Marcus Edwards para explorar as costas dos alas do Marselha e garantiu que Paulinho está recuperado dos problemas físicos.

“Paulinho? Hoje em dia todos os jogadores têm uma preparação antes do jogo e passam pelo departamento médico e têm estas pequenas atenções por parte do departamento médico. Obviamente que o Paulinho vem de uma lesão, fez um excelente jogo, mas está a recuperado e é mais uma opção. Não vou dizer aqui o jogo que vamos utilizar porque muda a nossa dinâmica e da mesma forma que o Marselha é difícil de parar e que pode mudar certos jogadores e certas posições que mudam as características do seu jogo, para nós funciona da mesma forma. Jogar com o Paulinho não é a mesma coisa que jogar com o Marcus, jogar com o Marcus na ala ou no meio é diferente. Um dos dois vai jogar no meio, é a única coisa que posso dizer e vai jogar aquele que nós achamos que é melhor para desenvolver o nosso jogo amanhã“, frisou.

Questionado sobre a hipótese de rumar ao Wolverhampton, Amorim foi claro.

É a mesma resposta de outras situações, estou no Sporting, sou muito feliz e gosto de estar aqui. Não vou falar mais nisso“, concluiu

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!