Nacional

A resposta de Amorim às críticas do Benfica sobre a utilização de Palhinha

Rúben Amorim em conferência de imprensa do Sporting

Na conferência de imprensa de antevisão à partida com o Marítimo, Rúben Amorim pronunciou-se sobre as críticas do Benfica em relação à utilização de João Palhinha no derbi.

Veja também: Benfica faz atualização de ÚLTIMA HORA do estado de saúde de Jesus

Para o técnico leonino não é algo que o preocupe.

Estou preocupado com o Marítimo. Isso faz parte do passado. Este clube tem pessoas em que cada um se ocupa dos seus assuntos, e o meu passa por ganhar o próximo jogo. O resto é resto“, atirou.

O último dia do mercado de janeiro foi muito produtivo para o Sporting, com as contratações de Paulinho, João Pereira e Matheus Reis.

No entanto apenas os dois primeiros estão prontos para ir a jogo.

Todos os jogadores do Sporting estão disponíveis para ser titulares ou estar no banco. O Matheus [Reis] chegou e não tem as condições físicas necessárias, mas os outros dois estão aptos. Vamos escolher os melhores jogadores”, afirmou.

Veja também: Fotógrafo reage a rumores de um romance com Georgina Rodríguez

Sobre Paulinho o técnico verde e branco teceu os mais rasgados elogios.

O Paulinho tem características que precisávamos. Já o disse. É o melhor número 9 do país, mas isso não lhe garante nada. Ele sabe disso. Por isso é que está cá. Não é preciso explicar-lhe tudo. Vai haver jogos para todos. Isto é para o projeto do Sporting. O Paulinho vem para aqui para muitos anos. Se calhar por isso é que fomos comprar um jogador tão caro com 28 anos. Queremo-lo aqui durante muitos anos para ajudar os outros a render.

É mais um jogador do plantel e terá que trabalhar. Temos a nossa ideia, não mudamos nada, temos é características diferentes. Dá-nos mais opções, nada mais do que isso. Penso que não surpreende. Se o Paulinho surpreender os adversários… Dá-nos é mais soluções“, afirmou.

Veja também: Apresentador entala Rui Pedro Braz em direto por causa do Benfica (VÍDEO)

Rúben Amorim falou também na gestão dos reforços, revelando que a sua ideia é construir uma equipa para muitos anos.

“Faz parte do trabalho de um treinador. É uma gestão normal e vai haver jogos para todos. O Paulinho veio para aqui por muitos anos, também para ajudar os outros para render. Estamos a formar uma equipa para hoje e para amanhã. Estamos a formar uma equipa para manter e a ideia é fazer uma equipa para muitos anos. Os jogadores é que vão dando indicações. Toda a gente já jogou, toda a gente já ficou de fora. Os jogadores só têm de fazer o trabalho deles”, referiu.

Veja também: Técnico do Everton rendido : “Este é o verdadeiro André Gomes”

Por último Amorim destacou os pontos fortes do Marítimo.

“Esperamos uma equipa idêntica à que vimos no jogo da Taça. Uma equipa que joga com cinco defesas, que vai ficar na expectativa. Na Taça sofremos um golo em transição e outro de bola parada. Quero que os meus jogadores estejam concentrados e se divirtam a jogar. Usámos muito o jogo passado para preparar este. foi a única equipa que nos ganhou, este ano, em Portugal. Temos que ser humildes, saber que temos muito a melhorar e alguns defeitos, mas também coisas boas. E é nessas coisas boas que temos que nos focar”, concluiu.

Deixe uma resposta

Por favor desactive o seu adblocker ou coloque-nos na sua  lista de sites permitidos.

Muito obrigado!

Please disable your adblocker or whitelist this site!

Thank You!