fbpx
- Publicidade -
Adeptos
Nacional

“FC Porto é campeão mas já se celebra o campeão da próxima pré-época”

Francisco J. Marques enalteceu a conquista do 29º título do FC Porto, apontando Sérgio Conceição e Pinto da Costa como os principais responsáveis.

Veja também: Ronaldo aponta ao recorde histórico de Higuaín: “Seria bonito. Vou tentar”

O diretor de comunicação dos dragões consideram que ambos demonstraram capacidade de liderança, sobretudo nos momentos mais difíceis.

São os dois alicerces. Comparando com o que se passou nos rivais não assistimos a nada que se aproxime destas lideranças fortes. Não há paralelo no futebol português. O presidente disse que este título não seria possível com outro treinador e com outros jogadores. Acrescento que também não seria com outro presidente“, afirmou em declarações ao programa Universo de Bancada, do Porto Canal.

Veja também: VÍDEO: Ronaldo bisa em cinco minutos e bate recorde histórico na Europa

Francisco J. Marques não deixou de deixar farpas ao Benfica. O dirigente portista considera que existe uma campanha de desinformação para desvalorizar o título conquistado.

O FC Porto é campeão, mas o que se celebra é o campeão da pré-época que aí vem. Mas os nossos adeptos já estão habituados às tentativas de desinformação. Não há é notícia sobre adeptos que belisque o nosso clube. E isso também é motivo de orgulho. Já outros atiraram pedras, até para a própria equipa”, referiu.

Durante não sei quanto tempo ouvimos falar da hegemonia do Benfica. Até que entra na cabeça das pessoas. Para se considerar hegemonia tem de haver uma amostra larga. Temos um quinto de século e o FC Porto ganhou 11 campeonatos, o Benfica sete; FC Porto ganhou seis Taça de Portugal, o Benfica três; 10 Supertaças e o Benfica cinco. Só na Taça da Liga é que são hegemónicos. Além disso, o FC Porto tem uma Liga dos Campeões, duas Ligas Europa e um Mundial de clubes. O dobro dos troféus internacionais nos mais de 100 anos da existência do Benfica. Como é que se vem falar de hegemonia? Se ela existe é de um clube de azul e branco”, acrescentou.

Veja também: “Prefiro a arrogância de Ronaldo do que a falsidade de Messi”

Por último a chegada de de Jorge Jesus ao Benfica também foi abordada. J. Marques socorreu-se dos números para demonstrar que Sérgio Conceição é superior.

O Benfica anunciou o regresso do Jorge Jesus, mas só uma vez fez mais pontos que o pior FC Porto da história, segundo dizem. Se ganharmos em Braga podemos chegar aos 85 pontos, a apenas três do recorde da prova. Temos muitas vezes campeões na casa dos 70 e dos 60 pontos. Então com que honestidade pontual se diz que uma equipa que pode chegar aos 85 pontos é das mais fracas da história? Na verdade é uma das melhores da história“, concluiu.

Deixe uma resposta